top of page
  • Foto do escritorMayra Ferroni

Arquétipos no Marketing: Como e Por que Utilizá-los?

O tema está em destaque no mundo do marketing, mas você sabe como aplicar esse conceito ao seu negócio?


Os arquétipos são divididos em modelos ou protótipos que representam comportamentos e desejos compartilhados, os quais podem variar de acordo com as fases e situações.


Como empresa, você pode empregar o conceito de arquétipos para aprofundar a estratégia de personas, criando uma identidade ainda mais sólida e estabelecendo maior proximidade com seu público. Isso permitirá que você se torne uma referência em termos de comportamento e interesses comuns, de maneira mais precisa e visual.


Apesar de o tema parecer recente, já convivemos com marcas que fazem parte do nosso cotidiano e emanam toda a energia de seus arquétipos. Um exemplo é a Harley Davidson, que adota o arquétipo Rebelde - alguém que estabelece suas próprias regras. A marca transmite a sensação de ter uma personalidade forte, presente e livre, refletindo uma pessoa que vive intensamente do seu próprio jeito.



Outro exemplo é a Chanel, que incorpora o arquétipo do Amante: empoderado, desejado e sofisticado, com uma aura de atração natural.


Agora, ficou mais claro entender qual arquétipo sua empresa pode adotar para se aproximar ainda mais do seu público-alvo.

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page